::: Vídeo com ratos provoca crise no KFC :::

KENTUCHY FRIED MICE! 

Para ver o vídeo clique na imagem.

Depois de um annus horribilis em que a bactéria E. Coli detectada nos seus produtos devastou os resultados do gigante KFC/Taco Bell, a má sorte voltou a bater à porta da multinacional de fast food. Desta feita, sob a forma de um bando de roedores que invadiu um restaurante da cadeia na cidade de Nova Iorque. O episódio acabou por se transformar num alerta para as marcas de que incidentes locais podem, graças às novas tecnologias de partilha de vídeos e comunidades como o YouTube, ter repercussões à escala global, exigindo medidas mais claras e imediatas para a gestão de crise.

Tudo começou quando imagens de ratos a correrem num restaurante da cadeia em Greenwich Village foram divulgadas numa estação de televisão local. O incidente rapidamente chegou à internet e a inúmeras outras cadeias televisivas. O comunicado da empresa não só chegou tarde de mais face à rapidez das tecnologias como refere-se ao incidente apenas como “local”, o que especialistas consideram ter sido um grave erro de cálculo. Em declarações à Advertsing Age Pete Blacksaw explica porquê. “Não há comunicação viral mais negativa do que ratos. No mundo da fast food, higiene é o ponto fulcral e os ratos levam a discussão para o nível dos esteróides”, comenta o director de marketing da Nielsen BuzzMetrics. Pior, realça Steven Fink, este é um problema que dificilmente as empresas podem varrer para debaixo do tapete. “O principal problema da internet não é o facto da história ser divulgada, mas sim o facto de estar lá para sempre. A história viverá para sempre na internet”, assegura o presidente da empresa de gestão de crise Lexicom. Outros especialistas referem o facto da crise ser agravada pela falta de informação online que neutralizasse toda a comunicação negativa gerada pelo incidente. “Este é um exemplo perfeito de como as empresas devem ter uma rápida resposta online para a uma crise, não distorcendo os factos mas providenciando às pessoas informação que ajude a neutralizar a crise”, diz Ben McConnell, autor de Citizen Marketers.

Fonte: Meios & Publicidade

Esta matéria diz tudo, nem precisamos comentar!!! Não ignorem o poder das mídias alternativas!

Anúncios

Sobre Bambuzada MKT

Somos um grupo de guerrilheiros que se juntaram com a missão de disseminar táticas e informações de guerrilha através de blogs, podcasts, discussões online e etc.

Publicado em fevereiro 27, 2007, em Buzz Marketing Online, Mídias Alternativas, videos, virais, Youtube. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: